Comutação de Penas





Excelentíssimo(a) Senhor(a) Doutor (a) Juiz(a) de Direito da Vara de Execução Criminal da Comarca de........................................................................................................................ 




Refere-se: Comutação de Penas 


Execução:


Nome: 
R.G.:                                                                        UF:
Pai:
Mãe:
Data de nascimento: 
Natural de:
Domiciliado á:
Ora preso e recolhido á:
Situado á:  
                                                                


                                                              Vem com todo acato e respeito ante a ilustre presença de Vossa Excelência, amparado pelos termos do artigo 5º parágrafo XXXIV_"A" da Carta Magna de 1.988, ainda o artigo 84 inciso XII do mesmo Dispositivo Legal, em concordância com o artigo 41 inciso XIV da lei 7.210/84, ainda em conformidade dos termos do decreto supra citado interpor em causa própria pedido de comutação de penas, como posso á expor.  
Ora, impetrante foi condenado a reprimenda de.........................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................




                                                              Diante do exposto, acima, consciente de ser por vós atendido, no que com elevado respeito e humildade solicito, que será ato de Lei, Direito e Justiça.
                                                              Só me resta pois, aproveitar esta oportunidade para apresentar-lhes meus mais sinceros votos de estima e admiração. 




                                                               São os termos em que 
                                                               Pede e Aguarda
                                                               Deferimento.




Nome: 
RG:


..................................................................................de.............................................................20




                                                                "Não te furtes em fazer o bem, a quem de 
                                                                direito, estando na tua mão, o poder de faze-lo"  
                                                                                         Provérbios 3,27
                                                                                         

Um comentário:

  1. Quero agradecer a você Geraldo Salles pela dedicação com nós familiares tão desfavorecidos em meio a sociedade tão preconceituosa. Que Deus continue te abençoando!

    ResponderExcluir